22/01/2019

MAÇÃ/CEPEA: Menor volume deve ser destinado ao processamento

Clima favorece padrão de qualidade na safra 2018/19

Por Isabela Camargo, Lavínia Morais e Marcela Barbieri
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
MAÇÃ/CEPEA: Menor volume deve ser destinado ao processamentoVer fotos

Piracicaba, 22 – Na temporada 2017/18, a proporção de maçãs recebidas pelas indústrias de suco se manteve em cerca de 20% a 25% do total produzido na safra. E, deste volume, 15% do suco produzido foi destinado ao mercado interno – demonstrando a tendência de alimentação mais saudável adotada pela população, visto que, há alguns anos, apenas 5% era destinado ao mesmo segmento.

Por outro lado, para a atual campanha de 2018/19, produtores esperam que um menor volume de frutas seja destinado ao processamento. Isso porque, como o clima esteve favorável durante o desenvolvimento das maçãs, o padrão de qualidade deve ser positivo, com calibres maiores – diferentemente da safra passada, na qual as miúdas se destacaram.

Vale ressaltar, ainda, que a colheita da variedade gala se inicia em meados de fevereiro, o que resultará em processamento tardio da fruta.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, HF Brasil, indústria, Maçã, processamento, qualidade, safra 2018/19, suco

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui