×
Maçã
Janeiro 21, 2022
MAÇÃ/CEPEA: Baixo estoque e maior ritmo de vendas animam classificador
Cotações sobem nesta semana

Por Isabela Pegolo Alves e Marcela Barbieri

 

MAÇÃ/CEPEA: Baixo estoque e maior ritmo de vendas animam classificador Ver fotos

Piracicaba, 21 - Segundo agentes classificadores consultados pelo Hortifruti/Cepea, as negociações estão em ritmo mais acelerado no Sul nesta semana (17 a 21/01). Esse cenário, alinhado com a oferta restrita – estoques da safra 2020/21 se finalizando e colheita da 2021/22 ainda começando –, fez com que as cotações subissem, o que é animador. Vale destacar que o volume de gala fresca, recém-colhida, no mercado ainda é bem pequeno, e os estoques de eva estão diminuindo.

Agentes ainda relataram que, em termos de comércio, há mais facilidade em escoar frutas médio-graúdas no momento, visto que as escolas estão de férias e pela própria preferência atual dos consumidores no varejo. Diante disso, a gala 110 Cat 1 foi vendida na média de R$ 89,66/cx de 18 kg, incremento de 10% frente à semana passada. Já a fuji 165 Cat 3 foi por R$ 38,4/cx de 18 kg, pequena alta de 4% na mesma comparação. Para a próxima semana, espera-se que, apesar do fim do mês, o ritmo de vendas continue acelerado para as maçãs.

 

ATENÇÃO, LEITOR! Você já fez o seu recadastramento para continuar recebendo a revista Hortifruti Brasil na versão impressa? O prazo vai até 31/01/22. Recadastre-se agora via WhatsApp, clicando na imagem ao lado.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags
Cepea
cotações subem
estoques da safra 2020/21 se finalizando
gala e fuji
HF Brasil
oferta restrita
olheita da 2021/22 ainda começando
preço de maçã