20/04/2020

HORTIFRUTI/CEPEA: Os HF's têm a força!

Melhoram a imunidade e podem render boas oportunidades aos hortifruticultores

Por Hortifruti Brasil
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
HORTIFRUTI/CEPEA: Os HF's têm a força!Ver fotos

Piracicaba, 20 – Os pequenos mercados de frutas e hortaliças são boas opções para produção em baixa escala e também podem render grandes oportunidades. E são muitos os hortifrútis, com fortes poderes nutricionais, que podem agregar valor e contar com demanda diferenciada. Algumas culturas, inclusive, não exigem grande capacidade de investimento e ainda podem gerar retornos superiores às tradicionais frutas e hortaliças.

Pelo quarto ano consecutivo, a equipe da Hortifruti Brasil analisou pequenos mercados de hortifrútis que ainda não haviam sido abordados na revista – são eles: acerola, amora, atemoia, inhame, minitomate e quiabo. Todos, de uma forma ou de outra, se associam às principais tendências de consumo de alimentos, como a saudabilidade, o segmento fitness, a praticidade e a procura pelos exóticos.

O quesito saúde coloca as frutas e hortaliças em maior evidência, especialmente nos dias atuais, em meio à disseminação do novo coronavírus (covid-19) pelo mundo. Apesar de não evitarem doenças de forma isolada, quando combinados a outros hábitos saudáveis, esses hortifrútis são importantes aliados no fortalecimento do sistema imunológico e na manutenção do equilíbrio e da saúde do corpo.

Para esta edição, a equipe da Hortifruti Brasil entrevistou produtores e comerciantes desses pequenos mercados, para entender a dinâmica de produção e os principais desafios e oportunidades de cada um deles. Veja quem são esses seis personagens na edição de abril da revista Hortifruti Brasil, clicando aqui.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, coronavírus, desafios e oportunidades, fortalecer o sistema imunológico, frutas e hortaliças aliadas da saúde, Hortifruti Brasil, mercado de acerola, mercado de amora, mercado de atemoia, mercado de inhame, mercado de mini tomate, mercado de quiabo, oportunidades, pequenos mercados, tendências de saudabilidade

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui