28/05/2018

HORTIFRUTI/CEPEA: Greening representa mais de 20% dos gastos nos pomares

Estudo analisa gastos diretos com manejo da doença em dois projetos distintos

Por Margarete Boteon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
HORTIFRUTI/CEPEA: Greening representa mais de 20% dos gastos nos pomaresVer fotos

Piracicaba, 28 – Na edição de maio, a revista Hortifruti Brasil estimou os gastos com greening nos pomares de laranja, levando em conta a estimativa de custo total de dois projetos desenvolvidos em conjunto com técnicos do setor e a Equipe Citros, do Cepea. Em ambos os projetos, a contabilização dos gastos diretos com o manejo do greening considerou ações de intenso controle químico, erradicação de plantas sintomáticas, seguido de replantio até os sete anos de idade do pomar de laranja, e inspeções fitossanitárias.

A estimativa é que esses gastos, com base nos dois projetos, ultrapassem 20% do total orçado com o manejo do pomar citrícola, como um todo. O gasto médio por hectare para o controle do greening (insumos, gasto com as operações de pulverizações, mão de obra e plantio/replantio) variou de R$ 1.500 a R$ 1.800/hectare. Esse é o valor médio direto estimado para se ter um controle intensivo e manter baixo o nível de incidência da doença.

Entretanto, devido ao intenso ritmo de pulverizações, exige-se que o citricultor também invista em um maior número de tratores e em pulverizadores de maior porte para ganhar rendimento operacional. Para suprir a demanda das pulverizações e inspeções fitossanitárias, aumenta-se, também, a conta com a mão de obra na fazenda.

Outro investimento que não está embutido, mas está relacionado ao pacote de controle do greening, é o adensamento do pomar: quanto mais adensado, maior o custo de formação. Confira o estudo completo, juntamente com as tabelas de estimativas de custo, clicando aqui.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: citros, custos de produção de citros, gastos pomar de laranja, greening, Hortifruti Brasil, manejo do greening, viabilidade da citricultura

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui