×
Maio 12, 2022
HORTIFRUTI/CEPEA: Frutas e hortaliças como amigas do desenvolvimento cognitivo
Reportagem mostra alguns alimentos que podem reduzir o risco de demência em cérebros em processo de envelhecimento

Por Fernanda Geraldini

 

HORTIFRUTI/CEPEA: Frutas e hortaliças como amigas do desenvolvimento cognitivo Ver fotos

Piracicaba, 12 – Um artigo publicado no Estadão no último dia 06 mostrou que alguns alimentos oferecem benefícios para um cérebro em processo de envelhecimento. E, como era de se esperar, muitos deles fazem parte do grupo das frutas e hortaliças! Inclusive, estudiosos também relacionam artérias saudáveis ao menor risco de demência.

Duas dietas em particular, a mediterrânea e a MIND (que incentiva o consumo de produtos frescos, legumes, nozes, peixes, grãos integrais e azeite) demonstraram, em estudos científicos, um risco 30% a 35% menor de comprometimento cognitivo.

As folhas verdes são um importante exemplo de alimentos “amigos do cérebro”, já que têm muitos nutrientes e fibras, havendo evidências sólidas de estarem relacionadas a um declínio cognitivo mais lento. Frutas e legumes coloridos também são amigos do desenvolvimento cerebral: dietas ricas em flavonoides (substâncias naturais encontradas em frutas e vegetais coloridos, chocolate e vinho) eram menos propensas a relatar sinais de envelhecimento cognitivo.

É sempre importante lembrar que não existem alimentos milagrosos. Mas é ainda mais importante e, principalmente, bom para a saúde, consumir frutas e vegetais. Que tal ir à feira ou ao supermercado e abastecer a geladeira com HFs?

Fonte: Estadão

Tags
alimentos
alimentos saudáveis
demência
desenvolvimento cognitivo
dieta
envelhecimento cerebral
flavonoides
frutas
hortaliças
Hortifruti
processo de envelhecimento
saudavel
saude