09/11/2018

CITROS/CEPEA: Tardias e temporãs travam preços da pera

Diferença entre calibres é de cerca de R$ 30,00 para a tahiti

Por Caroline Ribeiro e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CITROS/CEPEA: Tardias e temporãs travam preços da peraVer fotos

Piracicaba, 9 – A procura por laranja pera no mercado in natura aumentou ligeiramente nesta semana, mas apenas para as frutas com maior qualidade. Embora os preços ainda limitem avanços significativos na demanda, o período de início de mês favoreceu o consumo de cítricos, no geral. Por outro lado, a elevação da oferta de frutas tardias e de temporãs já tem impactado as cotações da pera. Nesta semana (05 a 09/11), a variedade registrou média de R$ 30,39/cx de 40,8 kg, na árvore, recuo de 6,2% em relação à semana passada.

Já quanto à lima ácida tahiti, o aumento gradativo do volume de frutas miúdas tem resultado em queda nos preços da variedade. A diferença entre os valores da fruta de menor e de maior calibres é de aproximadamente R$ 30,00/cx. Na semana, a média da tahiti foi de R$ 54,41/cx de 27 kg, colhida, recuo de 16,3% em relação à semana passada. A expectativa de produtores consultados pelo Hortifruti/Cepea é de continuidade das baixas, por conta da previsão de aumento na oferta.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: aumento da oferta de tahiti, Cepea, citricultura, citros, cotação, Hortifruti Brasil, oferta de citros, oferta de laranja em SP, preço de tahiti, preços de laranja

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui