22/02/2019

CITROS/CEPEA: Poncã começa a ser ofertada no mercado paulista

Colheita da variedade pode amenizar cenário de falta de laranja?

Por Caroline Ribeiro e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CITROS/CEPEA: Poncã começa a ser ofertada no mercado paulistaVer fotos

Piracicaba, 22 – Ainda que em ritmo lento, a colheita de tangerina poncã foi iniciada no estado de São Paulo nos últimos dias. Mesmo abaixo do estágio de maturação demandado pelo segmento in natura, alguns produtores têm ofertado a variedade para aproveitar os preços firmes no mercado, neste período de entressafra de laranja. Nesta semana (18 a 22/02), a tangerina poncã foi negociada a R$ 60,48/cx de 27 kg, na árvore. Segundo produtores, a oferta da fruta paulista, especialmente a de maior qualidade, deve crescer com mais força apenas na segunda quinzena de março.

No caso da laranja de mesa, cuja oferta de frutas de boa qualidade segue limitada, os preços têm se sustentado – com negociações pontuais da pera chegando a R$ 50,00/cx. Contudo, agentes do setor avaliam que as cotações podem ter atingido o teto e que valores superiores não seriam aceitos pelo mercado in natura. Nesta semana, a laranja pera teve média de R$ 43,92/cx de 40,8 kg, na árvore, aumento de 11% em relação à anterior.

No caso da lima ácida tahiti, a média do período foi de R$ 20,08/cx de 27 kg, colhida, queda de 7% frente ao anterior, devido à retomada das atividades de campo (após o fim das chuvas, no início da semana). Além disso, a procura esteve reduzida nos últimos dias, conforme indicam produtores.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: Cepea, citricultura, citros, clima, cotação, entressafra de laranja, início da colheita de poncã, oferta, poncã de SP, preços de laranja, preços de poncã, preços de tahiti, produção

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui