11/09/2020

CITROS/CEPEA: Laranjas tardias amenizam escassez de pera em SP

Cotação de tahiti oscila, mas fecha semana em valorização

Por Isabela Camargo, Caroline Ribeiro e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CITROS/CEPEA: Laranjas tardias amenizam escassez de pera em SPVer fotos

Piracicaba, 11 A demanda por laranja de mesa segue firme, especialmente por frutas com melhor qualidade, beneficiada pelo início de mês e pelas altas temperaturas. Do lado da oferta, o clima quente e seco em São Paulo segue reduzindo a disponibilidade de frutas de qualidade (a maior parte está murcha e miúda). Nesse cenário, os preços continuam em alta. Nesta semana (08 a 11/09), a pera registrou média de R$ 32,38/cx de 40,8 kg, na árvore, avanço de 3,7% em relação à semana passada.

Quanto à lima ácida tahiti, o baixo volume de frutas prontas para a colheita (devido ao clima seco) e a demanda firme mantêm os preços elevados. Na semana, a variedade teve cotação de R$ 81,81/cx de 27 kg, colhida, aumento de 2,4% na mesma comparação.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: citros, clima, cotação, demanda, laranja, lima ácida tahiti, limão, oferta, pera, preço, seco, tahiti, tardias, valencia

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui