04/10/2019

CENOURA/CEPEA: Setembro se encerra com menor rentabilidade

Rentabilidade, apesar de positiva, está se reduzindo

Por Eduarda Pinheiro, Daniel Júdice Gonçalves e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CENOURA/CEPEA: Setembro se encerra com menor rentabilidadeVer fotos

Piracicaba, 04 - O mercado de cenoura encerrou o mês de setembro, em São Gotardo (MG), com cotações 61% acima dos custos de produção – estimados em R$ 8,12/cx de 29 kg –, redução de 65% na rentabilidade dos produtores frente ao mês anterior. Em relação a agosto, o valor de comercialização da raiz foi 41% menor, fechando em R$ 13,18/cx.

A temporada de inverno 2019 tem sido marcada por alta oferta e preços em queda desde julho, cenário que tende a continuar até o início da safra verão 2019/20 (em dezembro). Nesta semana (30/09 a 04/10), a caixa de “suja” foi comercializada a R$9,00. Vale observar que, no mesmo período do ano passado (primeira semana de outubro), a caixa de “suja” era vendida a um valor 51% maior.

O motivo é que, em 2018, a área colhida era menor. Além disso, é possível destacar os altos patamares de produtividade alcançados na região, fechando na média de 98,6 t/ha em setembro – reflexo do clima favorável, ótima sanidade na lavoura e incidência padronizada dos tipos de cenoura.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação da cenoura, preço da cenoura, produtividade

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui