01/11/2019

CENOURA/CEPEA: Sem alterações na oferta, preço fica estável em São Gotardo

A maior incidência de "A" foi controlada

Por Eduarda Pinheiro, Daniel Júdice Gonçalves e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CENOURA/CEPEA: Sem alterações na oferta, preço fica estável em São GotardoVer fotos

Piracicaba, 1º - Na principal praça produtora de cenoura do País, São Gotardo (MG), o mercado continuou estável nesta semana. A caixa de 29 kg de “suja” foi comercializada a R$ 8,00, sem alterações. A área colhida não mudou, e a oferta enviada ao mercado foi a mesma das últimas semanas.

A maior incidência de cenoura tipo “A” observada nas últimas semanas tem sido controlada, uma vez que produtores estão utilizando técnicas de manejo na colheita, com o objetivo de deixar as raízes miúdas na terra e colher apenas as mais desenvolvidas – padrão de mercado.

Mas, muitas vezes esse processo demanda mais tempo e mão de obra – o que acaba encarecendo o custo de produção. Em outubro, a produtividade fechou na média de 89,5 t/ha.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação da cenoura, preço da cenoura, produção da cebola, produtividade da cebola

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui