22/02/2019

CEBOLA/CEPEA: Vendas seguem lentas em SC

Qualidade e crescente oferta no Nordeste

Por Andrea Cimino e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CEBOLA/CEPEA: Vendas seguem lentas em SCVer fotos

Piracicaba, 22 - Por mais uma semana, a comercialização de cebolas foi mais lenta em Santa Catarina. A diminuição nas vendas pode ser explicada: parte dos bulbos sulistas apresenta problemas de qualidade, como bacterioses e incidência de fungos.

Além do fator qualidade, a crescente oferta no Nordeste influenciou a diminuição de vendas no Sul. A comercialização da hortaliça deve seguir até o final de março e início de abril. Contudo, apenas cebolas com boa qualidade poderão ser armazenadas durante este período – as demais, provavelmente serão descartadas, devido às altas temperaturas e chuvas recorrentes.

Portanto, segundo produtores, a expectativa é de perda de mercadoria nos próximos meses. Nesta semana (18 a 22/02), a média de preços na roça ficou em R$ 1,18/kg, leve queda de 2,5% frente à semana passada.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cebola, clima, comercialização, cotação, escoamento, preços, produção, produtividade

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui