×
Cebola
Janeiro 21, 2022
CEBOLA/CEPEA: Preços quase não se alteram em Ituporanga
Mercado de SC segue estagnado diante da concorrência com RS e PR

Por Larissa Angeli Costa e Marina Marangon

 

CEBOLA/CEPEA: Preços quase não se alteram em Ituporanga Ver fotos

Piracicaba, 21 - Nesta semana (17 a 21/01), a região de Ituporanga (SC) registrou baixa demanda por cebola por conta da maior oferta do Rio Grande do Sul e Paraná, de acordo com colaboradores do Hortifruti/Cepea. Ambos os estados estão comercializando a preços mais baixos dos de SC, principalmente por conta de logística, uma vez que a colheita está se finalizando e não há capacidade suficiente para armazenamento dos bulbos, o que faz com que haja a necessidade de um maior escoamento.

As regiões produtoras gaúchas estão apresentando maior quantidade de cebolas para suprir o mercado, o que fez os preços estagnarem nesta semana. Quando a safra do RS acabar no próximo mês, as regiões de Santa Catarina serão as principais ofertantes, e a expectativa dos catarinenses é que sejam ofertadas cebolas no mercado até maio, uma vez que, mesmo estocadas, as cebolas devem se manter com boa qualidade. Desta forma, em relação ao preço, espera-se aumentos a partir de fevereiro. No momento, a maior quantidade comercializada é de cebola valessul, que apresentou média de preço de R$ 1,80/kg ao produtor nesta semana (-3,2% de variação), sendo que há uma maior disponibilidade de melhor calibre, tipo caixa 2.

 

ATENÇÃO, LEITOR! Você já fez o seu recadastramento para continuar recebendo a revista Hortifruti Brasil na versão impressa? O prazo vai até 31/01/22. Recadastre-se agora via WhatsApp, clicando na imagem ao lado.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags
cotação de cebola
preço da cebola
produção da cebola