22/05/2020

CEBOLA/CEPEA: Oferta deve aumentar a partir de junho

Preço cai nesta semana, mas ainda se mantém elevado

Por Marcelo Franzini Erhart de Barros e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CEBOLA/CEPEA: Oferta deve aumentar a partir de junhoVer fotos

Piracicaba, 22 - O início da safra mineira (Triângulo Mineiro) e paulista (Piedade e Divinolândia), somadas à importação europeia, aumentaram a oferta disponível de cebola e pressionaram as cotações nesta semana. Em Porto Xavier (RS), o preço da cebola argentina também recuou (-6,7%) e fechou na média de R$ 74,4/sc de 20 kg. Apesar do aumento, o volume nacional permanece baixo e mantém os preços firmes, elevando 13,8% a parcial de maio (até o dia 22) frente a abril (considerando a média de todas as regiões produtoras).

A perspectiva é que as cotações se reduzam gradualmente com a intensificação da colheita a partir de junho. Em Cristalina (GO), a comercialização está prevista para se iniciar na próxima semana. A oferta deverá ser expressiva a partir de julho com a entrada mais efetiva do Nordeste. As elevadas cotações registradas em abril estimularam o aumento da área plantada de cebola em Irecê (BA) e no Vale do São Francisco (BA/PE). O pico de oferta deve acontecer em agosto, pois também está prevista maior colheita/comercialização nas praças de São Paulo (Monte Alto e São José do Rio Pardo), do Cerrado (MG e GO) e no Nordeste.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: coronavírus cebola, cotação da cebola, preço da cebola, produção da cebola

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui