29/11/2019

CEBOLA/CEPEA: Maior oferta reduz preços

Escoamento no NE e colheita no Sul pressionam cotação

Por Marcelo Franzini Erhart de Barros e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CEBOLA/CEPEA: Maior oferta reduz preçosVer fotos

Piracicaba, 29 - A alta oferta e a necessidade de escoamento da cebola nordestina reduziram as cotações nas praças de Irecê (BA), Vale do São Francisco (PE/BA) e Mossoró (RN) nesta semana (25 a 29/11). O preço médio de comercialização, no Vale do São Francisco, caiu 37,3% no período, fechando a R$ 11,67/sc 20 kg.

No Sul, o produtor optou por "segurar" o escoamento diante da queda nas cotações. Em Ituporanga, a cebola foi comercializada a R$ 0,68/kg, preço 28,6% menor em comparação ao da semana passada.

A crescente oferta do Sul gera insegurança ao produtor nordestino. Sendo assim, a estratégia está sendo escoar a produção antes que o Sul domine o mercado consumidor do Sudeste, fato que, geralmente, ocorre a partir de dezembro. A expectativa de intensificação das chuvas e da colheita para os meses de dezembro e janeiro também gera perspectiva negativa aos produtores do Nordeste.

Isso porque, o volume permanece crescente na região e as chuvas podem causar períodos de escoamento mais intenso, adiantando ou atrasando a retirada dos bulbos – este último fator, por sua vez, pode reduzir a qualidade do produto.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: cotação da cebola, escoamento, Irecê, preço da cebola, Sul

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui