15/06/2018

BATATA/CEPEA: Preços caem com intensificação da safra das secas

Paraná oferta batatas com menor calibre

Por Heitor A. C. Inácio, Lenise Molena e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BATATA/CEPEA: Preços caem com intensificação da safra das secasVer fotos

Piracicaba, - Entre os dias 11 e 15/06, a batata padrão ágata especial se desvalorizou nos atacados brasileiros. No Rio de Janeiro (RJ) o produto foi vendido a R$ 59,63/sc de 50 kg (-29,69%), seguido pelo atacado de Belo Horizonte (MG), R$ 55,47/sc (-26,91%), e São Paulo (SP) R$ 66,86/sx (-19,98%). A queda se deve ao maior volume de tubérculos disponíveis no mercado. Bataticultores de Cristalina (GO), de Ibicoara e Mucugê (Chapada Diamantina/BA), do Sul e do Sul de Minas Gerais estão intensificando as atividades de campo. O recuo nos atacados só não foi maior devido às chuvas nas regiões do Paraná (São Mateus do Sul, Contenda, Irati) e a finalização da colheita para a maioria dos produtores em Guarapuava (PR) e Água Doce (SC). Problemas com a qualidade ainda persistem, o que leva à oscilação nas cotações. Batatas do Paraná estão miúdas por conta do clima seco no plantio, enquanto que os produtos da Chapada Diamantina e região de Cristalina estão mais graúdos e com maior aceitação no mercado. 

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: atacado, batata, Ceagesp, cotação, desvalorização, oferta, preço, produção, produtividade, safra das secas, tubérculo

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui