19/11/2021

BATATA/CEPEA: Preço recua nos atacados; queda é mais intensa em BH

Oferta aumenta com menos chuvas e mais áreas disponíveis para colheita

Por Júlia Peron Baroni, Luana Chiminasso e João Paulo B. Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BATATA/CEPEA: Preço recua nos atacados; queda é mais intensa em BHVer fotos

Piracicaba, 19 - Entre os dias 16 e 19/11, as cotações médias da batata tipo ágata especial/saca de 50 kg ficaram em R$ 113,04 (-6,43%) no atacado de São Paulo (SP), em R$ 115,71 (-0,56%) no Rio de Janeiro (RJ) e em R$ 102,50 (-15,75%) em Belo Horizonte (MG). A desvalorização ocorreu diante do aumento geral na oferta, já que essa semana não choveu tanto nas praças produtoras. Além disso, em algumas regiões, lavouras com o ciclo mais adiantado estão com a colheita um pouco mais acelerada. Além disso, iniciou a safra das águas no Sul. Os atacadistas seguem comentando também sobre a qualidade, que está fraca ainda, apresentando baixo calibre e problemas na pele. A oferta tende aumentar nas próximas semanas, mas deve ocorrer de forma gradual e não muito intensa.

 

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: atacado, batata, Belo Horizonte, Ceagesp, ceasa, chuva, colheita, desvalorização, maior oferta, oferta, produção, produtividade, rio de janeiro, safra das águas, safra de inverno, São Paulo, variação

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui