30/08/2018

BATATA/CEPEA: Expectativa para o segundo semestre é de preços baixos

Valores são 15,3% maiores no primeiro semestre de 2018

Por Heitor Inacio, Lenise A. Molena e João Paulo Deleo
Em parceria com
FMC
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BATATA/CEPEA: Expectativa para o segundo semestre é de preços baixosVer fotos

Piracicaba, 30 – No primeiro semestre de 2018, o preço da batata ágata especial, ponderado pela classificação, fechou à média R$ 46,95/sc de 50 kg nas lavouras do País – alta de 15,3% frente ao mesmo período de 2017 (de R$ 40,69/sc de 50 kg). O cenário mais positivo em 2018 já era esperado, reflexo da menor área de cultivo no período.

Embora tenham melhorado neste ano, as cotações não foram suficientes para capitalizar os produtores, já que os valores recebidos ficaram muito próximos às estimativas de custos de produção – que, na média, foram de R$ 45,57/sc (entre janeiro e junho de 2018). O maior problema para 2018, no entanto, está no segundo semestre, uma vez que há aumento de área cultivada frente a 2017.

No ano passado, o elevado patamar de área cultivada no período foi um dos principais fatores que geraram excesso de oferta, bem como a boa produtividade, que segue da mesma forma ou até melhor neste ano. Entre 1° de julho e 23 de agosto, os preços já se mostraram 3,6% inferiores aos do ano passado: R$ 27,69/sc, valor 25% menor que as estimativas médias de custos de produção.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: área de batata, batata, Cepea, cotação, cultivo de batata, custos de produção, perspectivas, preços de batata

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui