28/09/2018

BATATA/CEPEA: Colheita volta a se intensificar e reduz preço

Temperaturas mais altas podem começar a prejudicar a qualidade das batatas

Por Heitor A. C. Inácio, Lenise Molena e João Paulo Bernardes Deleo
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
BATATA/CEPEA: Colheita volta a se intensificar e reduz preçoVer fotos

Piracicaba, 28 - A batata padrão ágata especial voltou a se desvalorizar nesta semana. Nos atacados paulistanos, foi comercializada a R$ 38,08/sc de 50 kg (-26,19%) entre os dias 24 e 28/09. Com o tempo voltando a ficar seco, Vargem grande do Sul (SP) retomou o bom ritmo da colheita, já que ainda há bastante batata nas lavouras. Com o aumento das temperaturas, a tendência é que as batatas comecem a perder qualidade e, para evitar perdas, produtores tendem a acelerar os trabalhos de campo. Assim, a praça paulista foi a que apresentou maior queda nos preços: 36,2% (R$ 23,54/sc) em relação à semana passada. O mesmo cenário ocorreu no Cerrado Mineiro, que também intensificou suas atividades, e as cotações recuaram 25,6% (R$ 27,07/sc) no mesmo período. Para os próximos dias, o cenário deve ser semelhante, caso as chuvas não interfiram na colheita.  

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: batata, Ceagesp, ceasa, cotação, desvalorização, escurecimento da pele, oferta, preço, produção, produtividade, qualidade, safra de inverno, solanácea, tubérculo, valorização, vargem grande do sul

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui