04/12/2020

ALFACE/CEPEA: Medidas mais restritas da quarentena em SP reduzem procura por alface

Preços caem no atacado paulistano

Por Maria Julia Ramos e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
ALFACE/CEPEA: Medidas mais restritas da quarentena em SP reduzem procura por alfaceVer fotos

Piracicaba, 04 - Os preços das alfaces na Ceagesp tiveram desvalorização ao longo da semana (30/11 a 04/12). Isso está atrelado à queda do movimento no entreposto, junto à quantidade de entrada do produto nos boxes, que variou a cadia dia (excedente de mercadoria em alguns dias, mas controlado em outros). A procura nos estabelecimentos foi alterada com a volta de medidas um pouco mais rígidas de controle da pandemia, com o retorno de algumas regiões do estado (incluindo a grande SP) para a fase amarela do Plano São Paulo.

Com isso, a crespa finalizou a semana com redução de 10,23%, fechando ao preço médio de R$ 13,17/cx com 24 unidades; a americana registrou queda de 18,85% nas cotações, a R$ 16,50/cx 18 unidades. Para a próxima semana, o preço deve se consolidar em baixa, ainda por causa da menor procura pelas folhosas, e  também por conta da preferência por outros produtos mais consumidos no período de festas de final de ano.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alface ceagesp, comercialização alface, preço da alface, preço no atacado, produção de alface

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui