28/06/2019

ALFACE/CEPEA: Apesar da regularização de oferta, preços não recuam em SP

Produtividade e qualidade da folhosa melhoram

Por Isabela Camargo e Marina Marangon
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
ALFACE/CEPEA: Apesar da regularização de oferta, preços não recuam em SPVer fotos

Piracicaba, 28 - Nesta semana (24 a 28/06), as regiões de Ibiúna e Mogi das Cruzes (SP) voltaram a apresentar maior oferta de alface. No entanto, devido ao atraso no ciclo de desenvolvimento – prolongado pelas chuvas em boa parte do mês de junho – o escoamento permaneceu satisfatório para a época e minimizou as sobras no campo.

Com o clima seco nos últimos dias, a produtividade e qualidade melhoraram e a proliferação de doenças para a temporada de inverno está menor do que nos anos anteriores, de acordo com colaboradores consultados pelo Hortifruti/Cepea. Porém, mesmo assim, alguns produtores ainda estão com falta de americana, devido às elevadas perdas na primeira quinzena do mês, fator que acarretou em menor disponibilidade da hortaliça.

Em Mogi das Cruzes, a alface americana se valorizou 4,09% nesta semana sobre a passada e custou, em média, R$ 16,10/cx com 12 unidades. Em Ibiúna (SP) a americana saiu por R$ 13,36, aumento de 21,45%. Para a próxima semana (29/06 a 05/07), não há previsão de chuvas significativas para Ibiúna e Mogi das Cruzes, segundo a Climatempo. Com o clima tipicamente seco do inverno, a produtividade pode ser beneficiada, fazendo com que a oferta aumente e pressione os preços nas próximas semanas.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: alface, clima, cotação da alface, folhosa, preço da alface

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui