11/08/2017

CITROS/CEPEA: Redução da oferta impulsiona preços dos cítricos

Pera e tahiti seguem valorizadas no mercado de mesa

Por Caroline Ribeiro e Fernanda Geraldini
Compartilhar
+ Mais opções
  • Facebook
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
CITROS/CEPEA: Redução da oferta impulsiona preços dos cítricosVer fotos

Piracicaba, 11 – Os preços da laranja pera continuam em alta no mercado doméstico, em decorrência do aumento da demanda pela fruta in natura (favorecida pelo clima mais quente em São Paulo) e da intensificação da moagem nas indústrias paulistas – que tem reduzido gradativamente o volume disponível no mercado. Na semana, a pera registrou média de R$ 17,11/caixa de 40,8 kg, na árvore, alta de 3,6% em relação ao período anterior.

Quanto à lima ácida tahiti, as cotações também estão em bons patamares, em função da redução da oferta paulista. Contudo, segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, as exportações da variedade diminuíram nos últimos dias, novamente devido aos grandes volumes enviados nos meses anteriores e aos preços elevados, que reduzem a atratividade dos embarques. 

Atrelado a isso, houve dificuldade em escoar a produção no mercado doméstico, por conta dos preços mais altos – que oscilam de R$ 35,00 a R$ 50,00/cx, a depender da qualidade da fruta. Ainda assim, a média de comercialização da tahiti, de R$ 45,15/cx de 27 kg, colhida, foi 1,1% superior à da semana passada.

Fonte: hfbrasil.org.br

Tags: citricultura, citros, frutas, laranja, laranja pera, lima ácida tahiti, mercado de mesa, São Paulo

A reprodução do nosso conteúdo só é permitida com a citação da hfbrasil.org.br como fonte. Para saber mais sobre nossa política de reprodução clique aqui